sexta-feira, 29 de outubro de 2010

My Bloody Valentine (2009)

"He's gonna break your heart"

Não vi este filme no cinema, mas gostaria de tê-lo visto, pois penso que a experiência 3D tornaria o seu visionamento muito mais apelativo. No entanto, nem sempre o 3D salva os filmes da desgraça, na medida em que, se a premissa é fraca, mesmo que o 3D seja soberbo, não salva os filmes de cairem na categoria do "horrível".

"São Valentim Sangrento" apresenta-se como um remake do filme de 1981 com o mesmo nome, e nada de novo nos propõe, a não ser o conteúdo típico dos filmes do género. Extremamente prevísivel (muitos poderão discordar comigo aqui, mas certamente quem vir o filme com atenção poderá considerá-lo prevísivel), e carregado de clichês, "My Bloody Valentine" é um filme que não deixa de ser forçado tornando-se ligeiramente boring. O argumento não é nada de espectacular ou original mas até não é muito mau, quando comparado com outros slasher films. E até posso dizer que este remake está melhor que o original e o seu final é curioso. Mas o argumento é fraco e os diálogos provocaram-me certa risota, até mesmo os actores não fizeram um trabalho fantástico. Acho que muitos aspectos deste filme estão 50/50... Depende secalhar dos gostos de cada espectador.

Há 10 anos atrás ocorreu um terrível acidente na cidade de Harmony. Tom Hanniger (Jensen Ackles) provocou involuntariamente um acidente que soterrou e matou um grupo de mineiros, dos quais sobreviveu uma pessoa, Harry Warden, que ficou em coma. 1 ano mais tarde, Harry Warden acorda do coma e, sedento de vingança, assassina brutalmente 22 pessoas. Consegue encontrar Tom, mas é supotamente morto pela polícia antes de conseguir fazer alguma coisa. Dez anos depois, Tom retorna à cidade, ainda perseguido pelas mortes que provocou. Só que uma nova onda de assassínios começa e Tom começa a ser considerado suspeito. Nínguem parece acreditar na inocência dele, mas Tom está disposto a encontrar Harry novamente e acabar com os massacres de uma vez por todas.

Uma coisa é certa: o filme faz juz ao título! É de facto bastante sangrento. Podemos contar sempre com sangue a saltar por todos os lados, cabeças a serem desfeitas pela picareta do assassino, entre outras coisas mórbidas. Aliás, o filme assenta a sua fórmula nisso, daí talvez considerar um pouco repetivo. Eu sinceramente penso que o 3D deve ter adicionado muito mais piada ao filme, tenho mesmo pena em não ter ido ver.
Recomendado para verem no Halloween? Só se não tiverem mesmo mais nada para ver. Quer dizer, se juntarem um grupo de amigos, muitas pipocas, quarto/sala escura e tal, terão de facto entretenimento garantido, mais pela companhia do que propriamente pelo filme. Não esperem mais do que isso, pois este filme não é daqueles filmes de terror espectaculares. É esquecível na verdade, mas na altura é capaz de proporcionar o que os filmes deste género proporcionam: psicopata a matar montes de gente, suspense, muito gore. Portanto, é capaz de cumprir minimamente os objectivos.

EXAME

Realização:
6/10
Actores: 6.5/10
Argumento/Enredo: 6/10
Duração/Conteúdo: 6/10
Transmissão da ideia principal do filme para o espectador: 7/10

Média Global: 6.3/10

Crítica feita por Sara Queiroz

Informação

Título em português: São Valentim Sangrento
Título Original: My Bloody Valentine
Ano: 2009
Realização: Patrick Lussier
Actores: Jensen Ackles, Jaime King, Kerr Smith

Trailer do filme:

0 comentários:

Enviar um comentário